Loading...
e.leclerc.pt
SER PIONEIRO NO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Desde a sua criação, a insígnia inicia acções inovadoras para proteger o meio ambiente e promover o desenvolvimento sustentável. Desde os sacos de caixa em 1996 até ao desenvolvimento dos biocombustíveis em 2004, passando pelos Contratos de Progresso Ambiente, a insígnia nunca parou de inovar, levando na sua dinâmica clientes, fornecedores e distribuidores concorrentes.

Um pioneiro que abre caminhos

Nos anos 50, Edouard Leclerc interpelava já a opinião pública sobre a poluição gerada pelos fosfatos. Desde então, o movimento toma as iniciativas de combates ambientais que participam às mudanças de comportamentos, e mais ainda, vão até fazer criar novas leis.

A insígnia é a primeira a preocupar-se com a poluição criada por milhões de sacos plásticos descartáveis oferecidos na saída de caixa. A partir de 1996, E. Leclerc substitui-os por sacos reutilizáveis, recicláveis e substituíveis. Será necessário esperar 10 anos para que uma lei imponha este procedimento a todos os outros sectores da grande distribuição.

Um compromisso em toda a cadeia

Inovação e antecipação são as palavras-chave do Movimento que implementou meios para agir sobre toda a cadeia: a produção, o armazenamento, a embalagem e o transporte. Procedimentos sustentáveis são implementados através dos Contratos de Ambiente que comprometem já mais de 500 fornecedores da Marca Repère. Além disso, a insígnia integra a preocupação ambiental na concepção das novas lojas, assim como na gestão dos lixos e aproveitamento de recursos energéticos.

Multiplicar as iniciativas

Para se manter percursor em matéria de desenvolvimento sustentável, a insígnia continua a desenvolver acções inovadoras para fazer evoluir os comportamentos.

• Com os Contratos de Ambiente, a Scamark (a entidade que gere as marcas de distribuidor) acompanhou os fornecedores da insígnia de modo a incentivá-los a reduzir o impacto ambiental.
• Em 2004, os biocombustíveis propostos por E. Leclerc são os primeiros a estar generalizados nas bombas de combustível. Estes biocombustíveis, que contêm 5% de Etanol, um biocomposto proveniente da agricultura, reduzem as emissões de CO2 com idênticos desempenhos.
• Há mais de 10 anos, E Leclerc organiza a maior operação europeia de recolha de lixo. “LIMPEMOS A NATUREZA” juntando 500 000 voluntários e conseguindo todos os anos um sucesso crescente, apoiado por campanhas de sensibilização e de informação.

E. Leclerc está fortemente empenhado no comércio equitativo: líder do comércio equitativo em França, a insígnia distribui mais de 400 referências de todas as marcas.

Com Entr’aide, a insígnia criou a sua própria gama que, além de ser acessível, propõe uma grande variedade de produtos.

A implementação de práticas éticas faz parte da política de E. Leclerc. Trata-se de um compromisso de fundo, tocando as condições de trabalho e de remuneração, à luta contra o trabalho ilegal ou trabalho das crianças, etc. Nesta óptica, a Siplec (Sociedade de importação de E. Leclerc) implementou uma carta ética, que os seus fornecedores assinam. Para assegurar que estes critérios estão a ser respeitados, a insígnia organiza regularmente auditorias sociais nos fornecedores. Por outro lado, E. Leclerc implementou uma política de compras responsáveis que respondem às condições necessárias para um comércio ético: Fornecimento em madeira certificada, compra de produtos de pesca preservando as espécies ameaçadas, alternativa à utilização de óleo de palma…

E. Leclerc é também, um actor empenhado na área da solidariedade. Com 3 princípios chave: uma reacção exemplar, como aquando do tsunami que aconteceu no Sul da Ásia em Dezembro de 2004, onde a insígnia mobilizou os seus clientes e aderentes para reunir mais de 2500 000€ em poucos dias. Segundo princípio, um compromisso à longo prazo: parceiros que estão organizados com Associações como a Liga contra o Cancro que beneficia do apoio de E. Leclerc há 7 anos para ajudar a investigação sobre o cancro nos adolescentes. Enfim, terceiro compromisso, a garantia do resultado: os parceiros escolhidos beneficiem de uma experiência comprovada de longa data, comícios de pilotagem certificam a boa atribuição dos fundos, garantem a transparência financeira, e propõem acções de correcção se necessário.
Ao usar este website, está a aceitar a utilização de cookies para análise, conteúdo personalizado e apresentação de anúncios.